segunda-feira, 31 de maio de 2010

1. Questões Abodagens da Educação Física

1- (Marica/2006) A abordagem pedagógica de educação física, cujo processo de ensino-aprendizagem fundamenta-se na premissa de que existe uma seqüência normal de crescimento, de desenvolvimento e de aprendizagem, denomina-se:
a) crítico-emancipatória
b) desenvolvimentista
c) crítico-superadora
d) saúde renovada;
e) pedagogicista

2- (Queimados/2008) De acordo com os parâmetros curriculares nacionais (1998), a tendência pedagógica da educação física escolar, que defende a idéia do movimento como principal meio e fim da educação física, é chamada de:
a) tendência esportiva
b) abordagem crítica
c) abordagem psicomotora
d) higienismo
e) abordagem desenvolvimentista

3- (Paraná/2007) Na metodologia crítico-emancipatória, o autor propõe uma organização da aula para apresentar/construir as tematizações de movimento com os alunos. Quais são os passos dessa metodologia?
a) introdução,aquecimento, parte principal e volta a calma
b) início, meio e fim
c) prática social, problematização, instrumentalização e pratica social
d) arranjo material, transcendência de limites pela experimentação, transcendência de limites pela aprendizagem e transcendência de limites criando
e) introdução, objetivos, metodologia e resultados

4- (Paraná/2007) Na área da educação física escolar existem algumas abordagens que foram denominadas de críticas ou progressistas, por derivarem de uma perspectiva crítica da sociedade e ou da educação. Assinale a alternativa que apresenta uma concepção que não pode ser denominada de crítica ou progressista.
a) crítico-superadora
b) desenvolvimentista
c) crítico-emancipatória
d) concepção de aulas abertas
e) abordagem sistêmica

5- (Paraná/2007) As metodologias do ensino da educação física emergem de teorias sobre o ser humano, a educação e a sociedade. Qual das abordagens abaixo pauta-se na perspectiva do materialismo histórico e da pedagogia histórico-crítica?
a) crítico-emancipatória.
b) desenvolvimentista
c) crítico-superadora
d) concepção de “aulas abertas”
e) construtivismo

6- (Ilha Comprida/2007) A visão da educação física, na abordagem crítico-superadora, acredita que qualquer consideração sobre a pedagogia mais apropriada dever versar não somente sobre questões de como ensinar, mas também sobre como elaborarmos conhecimentos, valorizando a contextualização dos fatos e do resgate histórico. Essa percepção possibilita:
a) a percepção por parte do aluno de que a história vem se modificando constantemente e que nem sempre acompanhamos tais mudanças
b) o entendimento de que os jogos e brincadeiras não são modificados de acordo com os interesses históricos dos educandos
c) a analise dos educandos de que a superação só é alcançada se vier fundamentada na crítica das ações e relações da escola com os conteúdos
d) a compreensão, por parte do aluno, de que a produção da humanidade expressa uma determinada fase e que houve mudanças ao longo do tempo

7- (Rio de Janeiro/2008) A abordagem desenvolvimentista possui como principal objetivo oferecer experiências de movimento adequadas ao nível de crescimento e desenvolvimento que os alunos vão adquirindo. No entanto, Darido (2003) observa a seguinte significativa limitação nesta abordagem:
a) dá pouca importância à influencia do contexto sóciocultural que está por trás da aquisição das habilidades motoras
b) secundariza os jogos com características competitivas
c) limita-se a um conjunto de atividades de cunho psicomotor
d) apresenta exacerbada influencia sociomotora, criando limitações à utilização de alguns exercícios motores classificados como competitivos
e) tem insuficiente aplicação no cotidiano escolar porque são poucas as aulas de educação física e , conseqüentemente, há limitação na captação de resultados esportivos

8- (Niterói/2008) Tendo proposto aos seus alunos exercícios relativos ao fundamento saque-tênis, o professor de educação física escolar estimulava-os, citando declarações de técnicos de alto nível em voleibol, que cobram dos atletas a execução daquele fundamento com mais violência e precisão. A tendência pedagógica da educação física escolar, cuja abordagem privilegia o movimento como o seu principal meio e fim, é:
a) desenvolvimentista
b) psicomotora
c) construtivista
d) crítica
e) construtivista-interacionista

9- (São Paulo/2005) Darido (2003) considera que a proposta de educação física construtivista trata a criança como sujeito:
a) portador de experiências, independente do processo formal de ensino
b) portador de experiências pedagógicas para seu amadurecimento cultural
c) desprovido de cultura até sofrer uma intervenção pedagógica formal
d) que necessita de avaliação funcional antes de qualquer busca de performance
e) que pode ser entendido exclusivamente á luz dos estágios maturacionais

10- (São Paulo/2005) A crítica feita por Darido em relação aos pontos fracos da proposta crítico-superadora revela que essa abordagem:
a) ainda não conseguiu implementar uma proposta didatico-pedagógica
b) ainda não conseguiu desenvolver experiências práticas efetivas
c) não conseguiu adesão de representantes das principais universidades
d) não se baseia numa referência teórica significativa
e) dá importância demasiada a relevância social dos conteúdos

PRÓXIMO >>              GABARITO

X- Abordagens da Educação Física

PCN Marcelo Jabu e Caio Costa
Segue modelo espanhol
Material de reflexão
Temas transversais
- Saúde, meio ambiente, orientação sexual, trabalho e consumo, ética, pluralidade cultural e cidadania

Para melhoria da qualidade das aulas:
- Princípio da inclusão, temas transversais (ética, meio ambiente, orientação sexual, pluralidade cultural, saúde, trabalho e consumo) e dimensões dos conteúdos (atitudinal, conceitual, e procedimental)

<< ANTERIOR        INÍCIO >>                  ( EXERCÍCIOS )

Referências
DARIDO, Suraya Cristina. Educação Física na escola: questões e reflexões. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2003.

IX- Abordagens da Educação Física

Saúde renovada Nahas (97)
Trabalhar em prol da saúde (adoção de hábitos saudáveis)
Ensino médio
Não tanto valor as atividades esportivas
Aptidão física e saúde
Não exclusão e diversidade
Teoria e prática

<< ANTERIOR     PRÓXIMO >>


sábado, 29 de maio de 2010

VIII- Abordagens da Educação Física

Jogos cooperativos Brotto (95)
Solidariedade;
Valores humanitários;
Valorização da cooperação;
Ponto negativo
Pouco aprofundamento sociológico e filosófico.

<< ANTERIOR   PRÓXIMO >>

quinta-feira, 27 de maio de 2010

VII- Abordagens da Educação Física

Cultural ou Plural Daólio (93)
Estuda a origem cultural do que é trabalhado;
Antropologia;
Princípio da alteridade (diferenças humanas);
Questão do certo x errado (não existe técnicas melhores ou piores);
Toda técnica é cuoltural, porque é fruto de uma aprendizagem específica de uma determinada sociedade;
Transformação através da compreensão da oniverso de significados do professor de Educação Física.

<< ANTERIOR        PRÓXIMO >>

VI- Abordagens da Educação Física

Crítico-emancipatória Kunz (96)
Rompimento com as estruturas autoritárias (esporte rendimento);
Uso da linguagem;
Formação do cidadão;
Experimentação;
Questionamento;
-Organização da aula
Arranjo material, Transcendência de limites pela experimentação, transcendencia de limites pela aprendizagem e transcendencia de limites criando.

<< ANTERIOR       PRÓXIMO >>

V- Abordagens da Educação Física

Psicomotricidade Le Bouch 70
Valorização do conhecimento de origem psicológica;
Processos afetivos cognitivos e psicomotores;
Movimentos espontâneos formação da imagem corporal e personalidade.

<< ANTERIOR   PRÓXIMO >>  

IV- Abordagens da Educação Física

Sistêmica Betti
Voltada para alunos do 1º e 2º;
A escola é um sistema hierárquico aberto (influencia e é influenciado pela sociedade);
Valoriza a vivência e a experiência;
Princípio da não-exclusão;
Diversidade dos conteúdos;
Habilidades físicas valores sociais e cultura corporal;
Corpo/ Movimento meio e fim da Educação Física escolar;
Respeita específicidade da Educação Física;
Formação do cidadão transformador da cultura física.
Hierarquia, tendências autoafirmativas e autointegrativas.

<< ANTERIOR      PRÓXIMO >>

terça-feira, 25 de maio de 2010

III- Abordagens da Educação Física

Crítico-superadora Soares, Taffarel, Castellani, Bracht, Escobar (92)
Foco está na justiça social baseada em ideais Marxistas e Neomarxistas ;
Trabalha o resgate histórico e contextualização;
A produção humana expressa uma determinada fase e que houve mudanças ao longo do tempo;

A pedagogia crítico superadora é:
Diagnóstica- pretende ler os dados da realidade;
Judicativa- julga os elementos da sociedade a partir de uma ética que representa uma camada da sociedade;
Teleológica- busca uma direção;

Ela é entendida também como sendo um projeto político-pedagógico:
Político- pois direciona propostas de intervenção em um determinado caminho;
Pedagógica- porque possibilita uma reflexão sobre a ação dos homens na realidade;

Prega a confrontação com o senso comum;
Globalidade do conteúdo;

Ponto negativo
Não conseguiu implementar uma proposta didático-pedagógica.

<< ANTERIOR     PRÓXIMO >>

sexta-feira, 21 de maio de 2010

II- Abordagens da Educação Física

Construtivista-Interacionista Freire, Piaget (92)
Entende que a educação física pode ser usada como suporte para a aprendizagem de outros conteúdos;
Assimilação acomodação e reorganização;
Resgate dos jogos populares (jogos do universo do aluno);
Jogo é muito valorizado;
Construção do conhecimento através da interação do sujeito com o mundo;
Valorização das experiências do aluno (construção do conhecimento);
Métodos de avaliação são avaliação não-punitiva e auto avaliação;
Ponto negativo
Desconsidera a questão da especificidade da Educação Física

<< ANTERIOR    PRÓXIMO >>

quinta-feira, 20 de maio de 2010

I- Abordagens da Educação Física

-->
















1. Abordagem Desenvolvimentista Gallahue, Tani (87/88)
Voltada para alunos de 4 - 14 anos;
Foco está no movimento e habilidade motora;
Nessa abordagem são estudados os níveis de desenvolvimento e crescimento, taxionomia desenvolvimento motor e estágios de crescimento;
Desenvolvimento se dá através do aumento da complexidade e diversidade;


- Tipos de movimento
Gallahue
Movimentos fetais, espontâneos, rudimentares, fundamentais, fundamentais e culturalmente determinados;
Harrow
Moviemntos reflexos, habilidades básicas, habilidades específicas e comunicação não verbal;

- Habilidades básicas
Locomotoras, estabilização e manipulativas
Ponto negativo
Não leva em consideração a influência do contexto sócio-cultural.

PRÓXIMO >>